sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Aspectos psicológicos da alimentação para o bebê


  Resolvi falar um pouco sobre o assunto devido à muitas dúvidas das mães em relação a introdução de alimentos, mais com a dificuldade de fazê-lo.

    A primeira relação que o bebê tem com alimentação, logo que nasce, é com leite materno. Que satisfaz, não só nutricionalmente, mas psicologicamente  através da segurança e da aproximação, apego.
A mãe deve estar atenta as reações do bebê quando ele mama, para notar como serão às reações da fome, sede e saciedade, podendo saber como será o controle de apetite mais tarde. Mas sem neura! Isto vai se aprendendo aos poucos, e assim você saberá se o choro do bebê é de algum desconforto, de fome ou consolo.
Aprendendo isso, você se sentira mais calma e confiante, estabelecendo reações sem estresse. A alimentação durante um ano, para a criança é fonte de prazer, alívio, conforto. Até aqui a natureza se encarregou de tudo. Quando a introdução de novos alimentos vier, esta relação com novos alimentos não será muito estável, modificando-se a medida com que ele interage com o seu meio ambiente.

Texto: Ana Luisa
Informações obtidas pelo livro "Crescendo com Saúde".
Autoras: Maria Luiza de Brito Ctenas
               Márcia Regina Vitolo 

Um comentário:

  1. Oi Ana Luisa!
    Gostei bastane das dicas, mas sou mamãe de primeira viagem então tenho muitas dúvidas!
    Minha pediatra disse que chupetas tendem a ser bem prejudiciais aos bebês, pois entortam os dentes, mas tive a sorte de encontrar esse tipo aqui, que ela disse que é menos prejudicial: http://www.tricae.com.br/chupeta-ortodontica-start-coracao-rosa-mam-25751.html
    Ela tem um formato especial, tipo ortodôntico, e parece que ajuda no desenvolvimento da mandíbula, pq o bebê fecha totalmente a boquinha!
    Bem, vamos torcer, pq a Bia adoooora chupeta! rsrs

    Beijinhos Lê

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

MundoBrasileiro