segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Massagem perineal reduz necessidade de episiotomia.

Quando pensamos em evitar uma episiotomia no parto, raramente pensamos em nada além do que o nosso médico ou parteira pode fazer por nós. Há coisas que podemos fazer por nós mesmas.

A massagem perineal pré-natal tem se mostrado eficaz na prevenção da necessidade de episiotomia durante o nascimento. Isto é particularmente eficaz em mulheres acima de 20 anos de idade e em mulheres que têm seu primeiro bebê.

Esta técnica é usada para ajudar a alongar e preparar a pele do períneo para o parto.O períneo é a área da pele entre a vagina e o reto.

Não só esta massagem vai ajudar a preparar os seus tecidos, mas permitirá que você aprenda as sensações do parto e como controlar esses músculos. Este conhecimento vai ajudá-la a estar preparada para o nascimento de seu bebê. O conhecimento que você está 'sentindo' pode ajudar a relaxar ainda mais nesta área, mesmo durante outros tipos de exames vaginais.

Instruções:

  * Encontre um lugar confortável onde você pode sentar e ficar sozinho, ou com seu parceiro .
  * Encontre seu períneo com um espelho, para ver o que parece. Você não vai precisar usar o espelho.
  * Você pode usar compressas mornas no períneo por 10 minutos, ou um banho quente, pode  ajudar se você estiver tensa.
  * Lave as mãos, ou pesa seu parceiro lavar as mãos se ele for fazer a massagem.
  * Lubrifique os polegares e o períneo. Você pode usar muitos tipos diferentes de lubrificante como: KY Jelly ®, óleo de vitamina E ou óleo vegetal puro. Há também alguns óleos especialmente feitos para este uso, eles podem ou não ter preparações à base de plantas neles.
  * Coloque os polegares cerca de um centímetro no interior da vagina, pressione para baixo e puxe para os lados. Você deve sentir um leve estiramento, formigamento ou queimação, você não deve sentir uma dor forte. Mantenha esse esticado cerca de dois minutos, ou até que a área se torna um pouco dormente.
  * Se você teve uma episiotomia anterior ou laceração, não se esqueça de prestar atenção especial no tecido cicatricial, ele  é mais tão elástico, e pode precisar de algum trabalho extra.
  * Massageie para frente e para trás sobre a área inferior dos tecidos da vagina. Puxe o polegar para fora ligeiramente, imaginando como seria puxar a cabeça do bebê ao nascer.
  * Se o seu parceiro está fazendo esta massagem, pode utilizar os polegares ou os dedos indicador. Seja sensível a seu corpo e preste atenção sobre a quantidade de pressão usada no exercício.

ATENÇÃO: Evite a canal urinária para prevenir infecções do trato urinário (no topo da abertura vaginal). Não faça massagens no períneo se você tiver lesões ativas de herpes, isso pode causar mais lesões e se espalhar.

Você pode começar a fazer massagens em torno da 34ª semana de gravidez. Se você for, mais adiante, e não tenham começado, ainda há benefícios de fazê-lo. Você pode fazer essa massagem frequentemente, podendo ser uma vez por dia.

Lembre-se que a massagem sozinha não vai proteger seu períneo. Escolher uma posição para o nascimento mais ereta (ajoelhada, de cócoras, sentada), vai permitir que o períneo distribua a pressão. Deitada de costas cria mais pressão sobre o períneo, fazendo com que uma episiotomia seja quase impossível de se evitar.

Fontehttp://pregnancy.about.com/library/weekly/aa103199.htm

Informações retiradas de um estudo randomizado conrolado: 
Randomized controlled trial of prevention of perineal trauma by perineal massage during pregnancy. Am J Obstet Gynecol. 1999 Mar;180(3 Pt 1):593-600.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

MundoBrasileiro